Muito mais do que isso, viraram símbolo de bom gosto, mesmo porque não é qualquer um que está disposto a pagar por uma peça de 15 centímetros o mesmo valor de um Jaguar.

A maestria da tradição e a perfeita tecnica do processamento, transmitidos de geração em geração, formam o Artisan-Studio da sede da Montblanc em Hamburgo. Dentro do estúdio, num templo do silêncio, com um conjunto de máquinas perfeitamente compatíveis, os compositores Montblanc contemplam com extrema atenção o coração de suas criações.

Para criar a caneta perfeita e alcançar a excelência tipica do artesão 4.0, são necessário 100 passos. E para cada uma dessas etapas os artesãos Montblanc precisam de absoluto silêncio, paciência e grande habilidade.

Uma vez que a caneta encontra a sua perfeita forma, pronta para ser mergulhada na tinta, começa outro processo delicado para os trabalhadores: “ouvir” a sua criação, a apresentação de
imperfeições numa sinfonia de detalhes.

O minimo defeito, a menor mancha possível não podem sair despercebidos do olhar atento do artesão. Suas emoções acariciam as bordas de cada componente e o fogo da alma do artesão forja cada pequena peça.

Durante o processo final da seleção do couro perfeito para produtos Montblanc, os artesãos passam a confiar em algo ainda mais importante: o órgão sensorial de suas mãos.
Os anos de experiência permitem-lhe para ler o couro instintivamente, à procura de sinais de sujeira, assim como os cegos lêem a linguagem Braille.

As mãos olham para as menores imperfeições, as minimas rachaduras, as contusões ou áreas irregulares.Quando o artesão tiver a segurança de que a peça escolhida está intacta, ele começa a trabalhar. Enquanto alonga a peça, os dedos emitem um sopro de vida que combina com o couro, criando assim um produto que tem uma alma, algo esculpido pelas experiências de vida – uma história de arte viva .

Cada peça de um relógio Montblanc funciona impecável e harmoniosamente muito depois de quem o fez ter se afastado dela. E sua alma lembra dessa conexão, que mantém seu corpo respirando, trabalhando e aguardando pelo momento de acompanhar você em sua jornada pela vida.

Na Montblanc, os relógios são manufaturados 1.000 metros acima do nível do mar, nas montanhas de Jura, na Suíça, muito distante da agitação da vida na cidade. Embora seja o lar do tempo, o tempo parece parar aqui: Le Locle é o local de nascimento da relojoaria tradicional suíça e tem sido o lar dos melhores relojoeiros do mundo há séculos.

A Montblanc, sinônimo de cultura de escrita requintada nos últimos 100 anos, segue valores duradouros como qualidade e técnica tipica do artesão. Suas firmes exigências quanto a formato, estilo, materiais e execução estão refletidas em todos os seus produtos.

http://www.montblanc.com/pt-br/discover/craftsmanship.html