O trabalho do ‘legado’ visa resgatar o DNA da empresa, a sua história se perpetuará e irá impregnar a mente e o coração dos colaboradores e clientes.

Após anos de suor e labuta, todos os setores com a mesma ‘alma’, a mesma garra e o mesmo desejo de traduzir a excelência nos produtos, nos serviços e relacionamentos.

Pessoas com visão
Marcas com propósitos

Pesquisas demonstram que histórias são lembradas até 22 vezes mais
do que fatos isolados
. E elas são em torno de 300% mais produtivas num dado período de tempo.

Todo legado tem uma história. Essa história cria conexões emocionais com seu público, gera confiança e encanta. A proposta está na transmissão da cultura da organização, a fim de transmiti-la às novas gerações. É um trabalho de ourives, um diamante a ser lapidado.

Legado é uma arma poderosa nas mãos de quem sabe usá-lo. Gera criatividade, inovação, competência, originalidade, autenticidade, mas sobretudo mostra o talento do ‘savoir faire’ .

Toda empresa sempre investe e se dedica para a camada tangível: design, produto, marketing, posicionamento, história.
Nossa proposta, trabalha a camada intangível: excelência, legado, reputação, celebração.

Após a tangibilização do legado, a história se perpetuará e irá impregnar a mente e o coração dos colaboradores e clientes.

Entre muitos, temos um CASE, dentro da Focus Excelência, que para nós é motivo de orgulho.

Uma empresa nos contatou porque queriam que o produto deles, que já era de qualidade, transmitisse a cultura da empresa.
Foi um desafio, mas é o que amamos fazer.
Arregaçamos as mangas e fomos para o garimpo. Envolvemos os fundadores, afinal eram eles que davam o toque de ‘artesão’ e faziam a diferença.

Em contato com eles, encontramos um ‘diamante’: uma cultura linda, ainda não explorada, que deveria ser colocada em relevo.
Percebemos que aquela luz (cultura) que emanava do diamante deveria percorrer a empresa, refrangir-se em todos os setores: finanças, marketing, comunicação, RH, funcionários, franqueados, fundadores, direção, franqueados, representantes, diretoria, etc.

O trabalho de polimento levou a uma mudança de mentalidade. Criou um elo entre o passado e o futuro, criou conexões emocionais com o cliente interno e externo e envolveu as novas gerações sentiram-se envolvidas. Prontos a levar para frente a empresa por mais 50 anos.

O nosso desafio inicial tinha sido alcançado. Percorrer toda a pirâmide da empresa na sua transversalidade e fazer com que a ‘cultura da organização” expressasse a sua excelência, nos produtos e nos serviços.

No final, alguém comentou:
“Não temos medo de que alguém nos copie, porque a cultura da excelência está dentro de cada um de nós.”
“Se não colocarmos o cliente em contato com o nosso coração criativo, não seremos capazes de transmitir a nossa excelência cultural”.